Darlan Romani é bronze em prova vencida por campeão olímpico

Darlan Romani (Pinheiros-SP) conseguiu um grande resultado na temporada, ao conquistar a medalha de bronze no arremesso de peso do Meeting Herculis no Estádio Louis II, em Mônaco, a 10ª etapa da Liga de Diamante, nesta quinta-feira (19).
A etapa foi classificatória para a final do dia 30 de agosto, em Zurique, na Suíça, e o brasileiro está qualificado, depois da consistente campanha, que inclui a medalha de prata no GP de Lausanne, na Suíça, com 21,38 m, e o bronze de Eugene, nos Estados Unidos, com 21,95 m, recorde sul-americano.
Em Mônaco, o catarinense de 27 anos manteve a regularidade e arremessou a 21,70 m, na sexta e última tentativa, garantindo o bronze. Quinto colocado no Ranking Mundial da IAAF, com 21,95 m, Darlan comemorou bastante, principalmente por estar entre os melhores arremessadores do mundo.
O norte-americano Ryan Crouser, campeão olímpico no Rio 2016, ficou com a medalha de ouro do evento, com 22,05 m. Darrell Hill, dos Estados Unidos, terminou em segundo, com 21,72 m.
Na prova, o norte-americano Jensen Curtis, que venceu o GP Brasil Caixa de Atletismo no dia 8 deste mês, em Bragança Paulista (SP), e deixou Darlan em segundo lugar, terminou em oitavo, com 20,57 m. (Com CBAt)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*