Victoria comemora 1º ouro no Challenger 2018

Victoria encara bloqueio adversário na etapa de Brasília do Challenger - Nadine Oliver/Divulgação

A sul-mato-grossense Victoria, ao lado de Tainá (SE), conquistou o título da terceira etapa do Circuito Brasileiro Challenger de vôlei de praia, neste domingo (23), no Parque da Cidade, em Brasília (DF).

Tainá e Victoria superaram Juliana e Andressa (CE/PB) por 2 sets a 1 (21/19, 15/21, 12/15), de virada, em 51 minutos de duração. Na disputa da medalha de bronze, Neide e Andrezza (AL/AM) venceram Vivian e Vitoria (PA/RJ) por 2 sets a 0 (21/14, 21/19), em 35 minutos, e completaram o pódio.

“Estamos muito felizes pela medalha de ouro. Chegamos duas semanas atrás em Brasília, treinando sem a Cida Lisboa, nossa técnica, que estava no Mundial Sub-19 com a seleção brasileira. Ela é uma grande treinadora e sabíamos que faria falta no banco de reservas, mas felizmente deu tudo certo, nossa dupla está evoluindo. Havíamos conseguido um quarto lugar e uma prata, esse ouro estava faltando e finalmente alcançamos”, declarou a sul-mato-grossense de 18 anos.

Tainá e Victoria tiveram cinco vitórias em cinco jogos e seguem na liderança do ranking geral, que soma a pontuação de cada etapa. Elas chegaram aos 1.040 pontos e são seguidas por Juliana e Andressa, que têm 960 pontos. Tainá comentou a importância da paciência da dupla após perder o primeiro set.

“Foi uma final emocionante, perdemos o primeiro set, mas soubemos nos recompor para crescer no segundo set e no tie-break. O jogo só acaba quando o árbitro apita, soubemos correr atrás, nos superar. Estávamos treinando duro, em duas etapas batemos na trave, mas agora alcançamos o resultado de toda dedicação que tivemos na semana”, disse a sergipana.

FOTO PODIO

No naipe masculino, Léo Vieira (DF), em casa, superou ao lado do parceiro Jô (PB) na decisão Allison Francioni e Márcio Araújo (SC/CE) por 2 sets a 0 (21/17, 23/21). Na disputa da medalha de bronze, melhor para Vinícius e Fernandão (ES), que venceram os irmãos gêmeos paraibanos Rafael e Renato (PB) por 2 sets a 0 (21/19, 21/18).

A dupla Jefferson (CE) e Miguel (MS) disputou dois jogos: derrota para Rafael (PB) e Renato (PB) por 0 x 2 (18:21/12:21), em 37 minutos, e vitória diante de Ferramenta (RJ) e Gilmário (PB) por 2×1 (21:12/19:21/15:10), em 50 minutos.

Pódio feminino no Parque da Cidade – Nadine Oliver/Divulgação

Assim, em três etapas realizadas em cidades diferentes, o Challenger conta com três diferentes campeões, tanto no masculino, quanto no feminino. O tour segue para Jaboatão dos Guararapes (PE), última parada do circuito, com disputas de 17 a 19 de agosto. Os campeões de uma etapa recebem 200 pontos no ranking geral e cerca de R$ 13 mil em premiações. (Da CBV, com Luciano Kishô Shakihama)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*